Por que as pessoas doam… ou não?

Tempo de leitura: 1 minuto

Quer saber o que motiva ou repele as pessoas a doarem para causas e projetos?

Analise a lista abaixo e saiba como escrever o texto de sua campanha para engajar ainda mais seus contribuidores!

Porque as pessoas doam:

  • Alguém que eu conheço me pediu para doar, e eu queria ajudá-lo
  • Senti-me comovido com a história de alguém
  • Eu não quero me sentir tão impotente quando sei que preciso e posso ajudar (isto é especialmente verdadeiro durante desastres)
    Eu quero sentir que estou mudando a vida de alguém
  • Eu sinto uma sensação de proximidade a uma comunidade ou grupo
  • Eu quero homenagear alguém (que está lutando ou morreu de uma doença,
    por exemplo)
  • Fui criado para doar para caridade, é tradição na minha família
  • Eu quero ser “hip”, e apoiar esta caridade
  • Isso me faz sentir conectado a outras pessoas e constrói a minha rede social
  • Quero ter uma boa imagem / a minha empresa ter uma boa imagem
  • Quero deixar um legado que me perpetua, meus ideais ou a minha causa
  • Sinto-me agraciado e quero dar algo de volta para os outros
  • Eu doo por razões religiosas, minha fé me ensina a ajudar os outros
  • Eu quero ser visto como um líder /um exemplo

menino-coracao-mao

Porque as pessoas não doam:

  • Eu já doo o suficiente. E prefiro investir em minha própria comunidade.
  • Eu preciso economizar dinheiro para mim e para minha família.
  • Minha doação é muito pequena para fazer a diferença.
  • A pobreza não pode ser resolvida.
  • A pobreza não é o problema – é a consequência.
  • As doações não ajudam as pessoas que realmente precisam.
  • Alívio da pobreza é uma responsabilidade dos governos.
  • As pessoas devem resolver seus próprios problemas.
  • Doações tornam os países dependentes de recursos externos e financiamento.

Fonte: http://www.networkforgood.com/nonprofitblog/how-to-get-non-profit-donations/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *